Respostas Diárias

É Tempo de Brilhar

por Joyce Meyer

É Tempo de Brilhar

Você já ouviu pessoas dizerem acerca de alguém: “Essa pessoa tem algo diferente…”? Isso geralmente significa que elas veem algo admirável nessa pessoa, algo em que ela se destaca na multidão, mas que simplesmente não conseguem identificar o que é.

Gosto quando ouço alguém dizer isso sobre uma pessoa que é cristã. Porque quando somos bons para as pessoas e o amor de Deus flui através de nós, há algo que realmente atrai a atenção delas.

A Bíblia diz que os cristãos são o sal da terra e a luz do mundo (ver Mateus 5:13-16). No trabalho, no mercado e até entre os amigos e membros da família que não têm um relacionamento com Cristo, o povo de Deus está ali para trazer tempero a uma situação sem sabor.

Há tanto tumulto nas vidas das pessoas hoje — tantas trevas — e elas estão em busca de esperança. Como cristãos, somos aqueles que podem ajudá-las a encontrar o que precisam através de um relacionamento com Deus.

Em Mateus 5:13, Jesus pergunta: “De que adianta se o sal perder o seu sabor?”. Parece que em algum momento do caminho, as linhas entre a piedade e a impiedade ficaram borradas. Coisas que seriam consideradas erradas há vinte ou trinta anos hoje parecem não ser “tão más assim”. Eu me pergunto o que os próximos vinte anos trarão se as coisas continuarem assim.

Talvez precisemos perguntar a nós mesmos: O que estamos mostrando ao mundo? O que é que nos mantém “salgados”? Como nós, cristãos, podemos manter nossa luz brilhando nas trevas que nos cercam? O que nos distingue dos demais?

Creio que a resposta é a santidade. E quando digo santidade, não falo de religião. Não falo de uma lista de “pode” e “não pode” ou de ir à igreja no domingo de manhã apenas para cumprir seu dever cristão um dia na semana. Sim, ir à igreja é ótimo, mas viver uma vida santa tem a ver com muito mais do que frequentar o culto uma vez por semana.

Quando digo santidade me refiro a um comportamento nascido de um relacionamento pessoal e íntimo com Deus. Estou me referindo a algo que nos ajuda a amar as outras pessoas e a sermos bons para elas.

Santidade é aquele “algo mais” que o mundo precisa ver em nós. Há tantas pessoas que podem nunca frequentar um culto na igreja ou ler uma Bíblia, mas elas estão lendo as nossas atitudes! Elas estão observando nosso comportamento e olhando para nós querendo descobrir como Deus é.

Somos embaixadores de Deus e devemos ser luz nas trevas para que elas possam encontrar o caminho para Jesus (ver 2 Coríntios 5:20).

Hebreus 12:14 nos diz para buscarmos a santidade. Diferentes versões da Bíblia usam palavras como “esforcem-se”, trabalhem nisso”, “aspirem” e “sejam”. Santidade é o resultado de uma obra que Deus faz em cada um de nós através do nosso relacionamento pessoal com Ele. Ela começa no momento em que aceitamos Jesus como nosso Salvador. Quando Ele vem morar em nossos corações, naquele mesmo instante somos feitos santos. E então, pouco a pouco, Ele nos transforma de dentro para fora para nos tornarmos cada vez mais semelhantes a Ele (ver 2 Coríntios 3:18).

Ao longo desse processo, Deus vai lentamente nos despindo do nosso orgulho e egoísmo. Ficamos menos preocupados em como podemos agradar a nós mesmos e passamos a ser mais focados em abençoar outras pessoas. Passamos de “E eu?” para “Como posso ajudar você?”.


Agora, é importante lembrar que não podemos mudar a nós mesmos — só Deus pode nos transformar e ajudar a nos tornarmos mais semelhantes a Ele.


Em João 15:5 (NVI), Jesus diz: “Eu sou a videira; vocês são os ramos. Se alguém permanecer em mim e eu nele, esse dá muito fruto; pois sem mim vocês não podem fazer coisa alguma”.

Então, qual é a nossa parte? É dedicar algum tempo regularmente para desenvolver o nosso relacionamento com Deus. Fazemos isso lendo a Sua Palavra e falando com Ele em oração. Assim como acontece com um melhor amigo, o Senhor deseja que falemos com Ele ao longo do dia sobre toda e qualquer coisa.

Gosto de dizer que a santidade é um “trabalho interior”. À medida que passamos tempo com Deus e pedimos a Ele que nos transforme, lentamente, mas seguramente, o Senhor nos transforma de dentro para fora.

Não se preocupe se você sentir que não “chegou lá”. O fato de desejar ser uma pessoa melhor significa que você está progredindo. Deus não nos promete que o processo será rápido ou fácil, mas garante que nos tornará mais semelhantes a Ele à medida que continuarmos a buscá-lo.

Onde quer que estejamos no nosso processo de crescer em santidade, é importante lembrar que o mundo está nos observando. Todos os dias, em todas as situações, temos o privilégio de ser sal e luz para as pessoas que nos cercam e de mostrar a elas como Deus realmente é.

Facebook icon Twitter icon Instagram icon Pinterest icon Google+ icon YouTube icon LinkedIn icon Contact icon